AO VIVO
Auto Programação
Liberal FM

FONE LIBERAL

WHATSAPP LIBERAL

BAIXE NOSSO APP

MÍDIAS SOCIAIS

Bombeiros salvam recém-nascidos vítimas de engasgamento em intervalo de 35 dias, em Adamantina



Aprenda como executar a Manobra de Heimlich, utilizada pelos agentes nos dois salvamentos. Sofia, de 11 meses, junto à família Cedida Em um período de 35 dias, o Corpo de Bombeiros salvou dois bebês recém-nascidos, ambos com menos de um mês de vida, que estavam sendo vítimas de engasgamento com leite materno, em Adamantina (SP). O caso mais recente aconteceu nesta terça-feira (21), quando os pais, ao perceberem que Sofia, de 11 dias, estava se engasgando com o leite, se dirigiram à corporação em um momento de desespero. Assim que chegaram no local, receberam ajuda do Comandante da Prontidão Verde, Gabriel Valente Silva, que estava realizando uma atividade física em frente ao quartel e percebeu a movimentação. “Eu estava realizando uma atividade física, correndo em frente ao quartel, e percebi que passou um carro com velocidade acima do normal. Eu vi que, na sequência, ele imbicou na entrada do quartel e buzinou. Eu fiz a meia volta, corri em direção [ao carro] e já imaginei alguma situação de atendimento emergencial. Aí a mãe saiu com a neném no colo, eu já fui ao encontro e perguntei ‘tá engasgada?’, aí eu peguei a criança e iniciei a manobra de desengasgamento”, relembrou ao g1. Após o salvamento, bebê foi levada ao Pronto-socorro de Adamantina (SP) para passar por uma avaliação médica Corpo de Bombeiros O bombeiro, que está na corporação há 23 anos, citou que “na hora do atendimento, a gente não tem a concepção que está ali, salvando uma vida”. “Tem que se empenhar no atendimento e fazer aquilo que fomos treinados para fazer. A gente faz a ação meio que instintivamente. Depois, com o resultado positivo, na hora que você olha a bebezinha com o comportamento normal, o alívio do pai e da mãe, aí parece que cai um pouco da ficha que, ali, era uma situação extrema. O sentimento é indescritível, faz bem para a nossa alma, para o nosso espírito. Graças a Deus, essa é a nossa missão primária nessa profissão: salvar vidas”, pontuou o Comandante Gabriel Valente Silva. O profissional, então, utilizou a Manobra de Heimlich para desengasgar a vítima, fazendo com que a bebê voltasse a respirar. Após a manobra, a pequena Sofia foi encaminhada à Santa Casa de Misericórdia de Adamantina para passar por uma avaliação da equipe médica de plantão. A bebê passa bem, segundo o Corpo de Bombeiros, e já está em casa com os pais, fora de risco. A mãe da recém-nascida, Débora Taís Carneiro de Melo, conversou com o g1 e enalteceu o trabalho do Corpo de Bombeiros naquele momento. “Eu percebi que ela estava engasgada, o meu marido pegou o carro e, quando chegamos perto da base da polícia, na minha cabeça veio, na hora, a ideia de ir para o Corpo de Bombeiros. Quando chegamos lá, buzinando, eu estava apavorada, e o sargento me ajudou, fez os primeiros procedimentos, e eu vi que ela começou a chorar e estava bem. Eu fui acalmando aos poucos, mas foi um susto muito grande. Se não fosse eles [bombeiros], eu não sei nem se ela estaria aqui hoje”, lembrou Débora. Momento em que o bombeiro consegue desengasgar a recém-nascida, de apenas 11 dias, em Adamantina (SP) Corpo de Bombeiros Primeira ocorrência No dia último 14 de fevereiro, uma situação parecida já havia acontecido no mesmo quartel: os pais de um bebê, à época, com 22 dias vida, levaram o recém-nascido até o local enquanto ele se engasgava com leite materno. Um dos responsáveis pelo salvamento, o cabo Vinícius Cruz relembrou ao g1 como a situação aconteceu. “Era no fim da tarde, a guarnição do caminhão já estava se preparando para ir para outra ocorrência, quando eu olhei para o portão principal e veio um carro da rua para o interior do quartel, em alta velocidade. Na hora que eu fui abordar, o pai já desceu falando ‘bombeiro, bombeiro, o meu filho está engasgado'”, disse. Quartel do 2º Pelotão de Bombeiros, em Adamantina (SP) Soldado Rafael Proença “A mãe saiu do banco de trás, com o bebê já bem roxo, desfalecido, e entregou na minha mão. Ela chorava bastante falando que o bebê dela morreu e, de imediato, eu já peguei o bebê e comecei a executar a Manobra de Heimlich. Nas primeiras tapotagens, o bebê expeliu o que provavelmente era leite materno, e já começou a fazer menção de choro e ficou respirando e consciente. A mãe ficou aliviada e, assim que desengasgou, a gente levou o bebê para o pronto-socorro”, acrescentou Cruz. Sobre salvar uma vida, o cabo disse que “não existe dinheiro no momento que pague este sentimento”. “O sentimento de salvar uma vida é algo gratificante. Não existe dinheiro no mundo que pague este sentimento de você poder estar entregando uma pessoa com vida para família. Nós, bombeiros, estamos constantemente treinando. Todo ano passamos por atualizações e, durante o serviço de 24 horas, treinamos para os mais diversos tipos de ocorrência. Os sargentos Borges e Tinetti estavam comigo na hora das manobras. Os cabos Farina e Marcelo e o soldado Diego foram confortar a família enquanto eu executava a manobra”, concluiu ao g1. Momento em que os bombeiros cercavam e realizavam as manobras para salvar recém-nascido de 22 dias, em Adamantina (SP) Corpo de Bombeiros “Nesse dia, eu estava mais perto, mas qualquer bombeiro que estivesse perto também saberia executar [a manobra] e executaria com maestria. Naquele dia, eu fui o sorteado, Deus me escolheu para estar ali, ajudando aquela família. Para a mãe, deve ter sido um alívio que não tem preço. Depois eu vi nas imagens da câmera que ela se ajoelhou ali e, quando eu vi aquilo, cheguei a me arrepiar”, relatou. Após o salvamento, a mãe do bebê se ajoelhou no quartel, no dia 14 de fevereiro, em Adamantina (SP) Corpo de Bombeiros Orientação A orientação do Corpo de Bombeiros, em casos de engasgamento, é acionar a corporação pelo telefone 193, ou a Polícia Militar, pelo 190. Enquanto uma viatura segue para o local, o atendente irá orientar sobre as manobras que devem ser realizadas. É importante, neste momento, informar a cidade, o bairro, a rua e um ponto de referência adequados. Manobra de Heimlich Para executar a Manobra de Heimlich, caso a vítima esteja consciente, posicione-se por trás e abrace-a com os braços ao redor do abdômen (se for uma criança, ajoelhe-se primeiro). Uma das mãos deve permanecer fechada sobre a chamada “boca do estômago” (região epigástrica). A outra mão comprime a primeira, ao mesmo tempo em que empurra a “boca do estômago” para dentro e para cima, como se quisesse levantar a vítima do chão. Faça movimentos de compressão para dentro e para cima (como uma letra “J”), até que a vítima elimine o corpo estranho. Saiba o que fazer quando um bebê engasgar Corpo de bombeiros de SP/Divulgação Se a vítima for um bebê, coloque-o de bruços em cima de seu braço braço e faça cinco compressões entre as escápulas (no meio das costas). Vire o bebê de barriga para cima, ainda em seu braço, e efetue mais cinco compressões sobre o esterno (osso que divide o peito ao meio), na altura dos mamilos. Tente visualizar o corpo estranho e retirá-lo da boca delicadamente. Se não conseguir, repita as compressões até a chegada de um serviço de emergência. Esses procedimentos são válidos somente se a criança ou o adulto engasgado estiverem conscientes. Vítimas inconscientes precisam de atendimento hospitalar imediatamente. Os primeiros socorros para asfixia ou engasgo devem ser tomados até que seja possível o atendimento especializado. Instrução para gestantes O Corpo de Bombeiros informou ao g1 que, neste domingo (26), a corporação estará em uma ação da Prefeitura de Adamantina, no Parque dos Pioneiros, com o objetivo de orientar e instruir gestantes, cadastradas no pré-natal, sobre manobras para desengasgar bebês.Veja mais notícias em g1 Presidente Prudente e Região.

Fonte: G1

FACEBOOK

Contato Ouvinte:
(18) 3822-1218
(18) 99668-9200 (Whatsapp)
[email protected]

Contato Comercial:
(18) 3821-4340
[email protected]
[email protected]

Onde Estamos:
Rua Monte Castelo, 941 – Centro,
Dracena – SP, CEP: 17900-000.

BAIXE NOSSO APP

MÍDIAS SOCIAIS

Liberal FM - Todos os Direitos Reservados.