AO VIVO
Auto Programação
Liberal FM

FONE LIBERAL

WHATSAPP LIBERAL

BAIXE NOSSO APP

MÍDIAS SOCIAIS

Processo administrativo apura se concessionária perdeu condições de manter serviço de transporte coletivo em Presidente Prudente


Em portaria publicada na tarde desta sexta-feira (21) no Diário Oficial Eletrônico (DOE) do município, a Prefeitura de Presidente Prudente (SP) instaurou um processo administrativo contra a empresa Company Tur Transportes e Turismo Ltda., que é a razão social da concessionária de transporte coletivo Prudente Urbano. Um dos objetivos da medida é apurar se a concessionária perdeu as condições econômicas, técnicas ou operacionais para manter a adequada prestação do serviço.

Quem assina a portaria é o interventor da Prudente Urbano nomeado pela Prefeitura, Manoel Silva Félix da Costa.

Três agentes municipais foram nomeados para conduzir o processo administrativo:

  • Carlos Augusto Nogueira de Almeida (presidente);
  • Pedro Ivã Gomes de Araújo; e
  • Adriner Vinicius Sanfelici Rocha.

De acordo com a portaria, a apuração vai se concentrar em cinco pontos:

  • se o serviço está sendo prestado de forma inadequada ou deficiente, tendo por base os parâmetros e metas definidores da qualidade;
  • se a empresa descumpriu as cláusulas contratuais ou disposições legais ou regulamentares da concessão;
  • os motivos pelos quais a concessionária paralisou o serviço ou concorreu para tanto, ressalvadas as hipóteses decorrentes de caso fortuito ou força maior;
  • se a concessionária perdeu as condições econômicas, técnicas ou operacionais para manter a adequada prestação do serviço concedido; e
  • se a concessionária não cumpriu as penalidades impostas por infrações, nos devidos prazos.

Entre as circunstâncias levadas em consideração para a instauração do processo administrativo, a portaria assinada pelo interventor Manoel Silva Félix da Costa cita as constantes paralisações e interrupções do serviço motivadas por greves dos funcionários da Prudente Urbano em razão do atraso no pagamento de salários e benefícios legais de direito dos trabalhadores e ainda o débito de mais de R$ 640 mil acumulado pela empresa junto à Prefeitura pela falta do recolhimento da outorga para a operação do transporte coletivo.

Além disso, a portaria também relata a ausência de recolhimento do Imposto Sobre Serviços (ISS) aos cofres públicos municipais e a inadimplência da concessionária em obrigações com contratos bancários e fornecedores que motiva “correspondências de cobrança que são recebidas diariamente”.

Outro fator apontado pelo interventor é a ordem judicial que resultou na apreensão de 11 ônibus da concessionária em decorrência da falta de pagamento de parcelas de financiamento bancário.

A Prudente Urbano está sob intervenção da Prefeitura desde o dia 23 de julho de 2021.

O prazo inicial de intervenção é de três meses, mas pode ser prorrogado sucessivamente até a “plena adequação dos serviços”.

Segundo o decreto municipal que determinou a medida, os objetivos da intervenção são os seguintes:

  • assegurar a continuidade dos serviços para preservar o interesse legítimo dos usuários;
  • apurar as razões da inadequada e imperfeita prestação dos serviços; e
  • realizar auditoria na concessionária para apurar o real custo operacional dos serviços, bem como se a empresa mantém condições econômico-financeiras, técnicas ou operacionais para a prestação do serviço adequado.

O G1 solicitou neste sábado (21) um posicionamento oficial da Prudente Urbano sobre o processo administrativo aberto pela Prefeitura contra a empresa, mas até o momento desta publicação não obteve resposta.

Veja nas duas imagens abaixo a íntegra da portaria que instaurou o processo administrativo contra a Prudente Urbano:

Portaria instaurou processo administrativo contra a Prudente Urbano — Foto: Reprodução/DOE

Portaria instaurou processo administrativo contra a Prudente Urbano — Foto: Reprodução/DOE

Portaria instaurou processo administrativo contra a Prudente Urbano — Foto: Reprodução/DOE

Portaria instaurou processo administrativo contra a Prudente Urbano — Foto: Reprodução/DOE


FACEBOOK

Contato Ouvinte:
(18) 3822-1218
(18) 99668-9200 (Whatsapp)
liberalfm@liberalfm.com.br

Contato Comercial:
(18) 3821-4340
luisjacon@liberalfm.com.br
luisjacon@hotmail.com

Onde Estamos:
Rua Monte Castelo, 941 – Centro,
Dracena – SP, CEP: 17900-000.

BAIXE NOSSO APP

MÍDIAS SOCIAIS

Liberal FM - Todos os Direitos Reservados.