Polícia Rodoviária registra três acidentes de trânsito na Nova Alta Paulista


A Polícia Militar Rodoviária atendeu a três acidentes de trânsito neste sábado (16), na Nova Alta Paulista. Duas ocorrências foram na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em Dracena e em Osvaldo Cruz, e o terceiro numa rodovia de acesso no município de Tupi Paulista, que resultaram no total de quatro vítimas; os sexos e idades não foram divulgados.

Um dos acidentes foi por volta das 7h45 no acidente km 574,800 da SP-294, em Osvaldo Cruz (SP). Foi uma colisão traseira entre dois veículos, que resultou em duas vítimas leves. Elas foram levadas ao Pronto-socorro local.

Ainda na SP-294, mas no km 651+500, em Dracena (SP), foi registrado por volta das 12H24 um tombamento de motocicleta. O acidente resultou em uma vítima grave e uma vítima leve, que foram encaminhadas ao Pronto-socorro local.

Por volta das 14h40, a polícia atendeu a uma colisão traseira entre dois veículos. A batida foi no km 2,320 da Rodovia de Acesso 658/294, que interliga a Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros a Tupi Paulista (SP). Não houve vítimas.

Veja mais notícias em g1 .




Fonte: G1

Ambulantes interessados em trabalhar com vendas ao redor de cemitérios no Dia de Finados devem realizar cadastro junto à Sedepp


A partir desta segunda-feira (18), pessoas interessadas em trabalhar como vendedor ambulante ao redor do Cemitério Municipal São João Batista e no Cemitério Campal, em Presidente Prudente, no dia 1º de novembro e no dia 2, Dia de Finados, poderão realizar o cadastro junto à Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Presidente Prudente (Sedepp).

Serão disponibilizados aos ambulantes 213 módulos para atuar no São João Batista e outros 50 módulos no Campal.

Conforme a secretária de Desenvolvimento Econômico de Presidente Prudente, Ana Paula Atayde Setti, o interessado deve comparecer à Sedepp para fazer o cadastro. Na ocasião, é necessário apresentar cópia da documentação, RG e CPF.

No momento do pedido, também é assinado um requerimento de solicitação e encaminhado para o Paço Municipal para recolher a taxa de 11 Unidades Fiscais do Município (UFMs), que é referente à permissão para os ambulantes trabalharem no dia.

A escolha da localização dos módulos será de acordo com ordem de assinatura do requerimento. A Sedepp demarcará módulos nas calçadas da Rua José Bongiovani e da Avenida da Saudade. Já no Campal será defronte ao cemitério.

Os ambulantes podem comercializar flores, velas e água. A venda poderá ser feita nos dias 1 e 2 de novembro durante o horário de funcionamento dos cemitérios, das 7h às 18h.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Presidente Prudente fica na Rua Marrey Junior, 250, no Jardim Bongiovani. O telefone para mais informações é o 3918-4200; atendimento das 8h às 17h.




Fonte: G1

Aneel registra mais de 300 reclamações de falta de energia elétrica após tempestade de poeira que atingiu a região de Presidente Prudente


A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) registrou 306 reclamações de falta de energia após a tempestade de poeira que atingiu a região de Presidente Prudente (SP) no dia 1º de outubro de 2021. Na ocasião, a força do vento, que, segundo a Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil, chegou a ter rajadas de 103km/h, derrubou árvores, destelhou imóveis e arrancou placas publicitárias e sinalizatórias, vidraças e marquises.

Conforme as informações da Aneel enviadas ao g1, no dia 1º de outubro, a agência registrou 147 reclamações de falta de energia na região de Presidente Prudente. Já no dia 2, foram contabilizadas 159 ocorrências pela Aneel.

Relacionadas à concessionária Energisa Sul-Sudeste, foram 141 reclamações em 1º de outubro e 157 no dia seguinte. Referentes à empresa Neoenergia Elektro, foram três e uma, respectivamente, sendo que as demais eram de caráter genérico, conforme a agência.

A Aneel informou ao g1 que monitora continuamente os indicadores de qualidade do fornecimento, serviços e atendimento, entre outros. Todos os dados coletados são utilizados para ações de análise e monitoramento e, quando necessário, fiscalizações em campo.

Além disso, a Aneel define limites mínimos dos indicadores, que, quando não cumpridos, ensejam compensações financeiras aos afetados.

Tempestade de poeira causa estragos e pânico na região de Presidente Prudente (SP)

Tempestade de poeira causa estragos e pânico na região de Presidente Prudente (SP)

Visando a manter a qualidade na prestação do serviço público de distribuição de energia elétrica, a Aneel exige que as concessionárias mantenham um padrão de continuidade e, para tal, edita limites para os indicadores coletivos de continuidade, Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (DEC) e Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (FEC), conforme definido no Módulo 8 dos Procedimentos de Distribuição (Prodist).

Segundo a agência, os indicadores são apurados pelas distribuidoras e enviados periodicamente para a Aneel para verificação da continuidade do serviço prestado, representando, respectivamente, o tempo e o número de vezes que uma unidade consumidora ficou sem energia elétrica para o período considerado (mês, trimestre ou ano), o que permite que a agência avalie a continuidade da energia oferecida à população.

Reclamações de falta de energia

DIA/MÊSOCORRÊNCIAS
Janeiro9
Fevereiro11
Março8
Abril6
Maio4
Junho7
Julho6
Agosto6
Setembro5
1º de outubro147
2 de outubro159
3 de outubro2
4 de outubro15
5 de outubro2
13 de outubro1

Conforme a Aneel, a fiscalização dos serviços de distribuição é realizada pela Superintendência de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade (SFE) e tem por objetivo orientar as empresas distribuidoras na adequada prestação do serviço público de distribuição de energia elétrica, especialmente nos aspectos relacionados ao atendimento comercial e indicadores de desempenho, técnicos e comercial.

A fiscalização da distribuição tem por base o monitoramento contínuo de indicadores de desempenho das distribuidoras:

O monitoramento da qualidade do serviço das distribuidoras consiste fundamentalmente em duas atividades:

  • observação da percepção do consumidor sobre o serviço prestado;
  • avaliação do desempenho das empresas por meio dos indicadores de desempenho.

A percepção do consumidor é avaliada por meio de:

  • dados de reclamações de consumidores realizadas nas centrais de atendimento da distribuidora, ouvidoria da distribuidora e ouvidoria da Aneel;
  • Índice Aneel de Satisfação do Consumidor (IASC), que é o resultado da pesquisa junto ao consumidor residencial que a Aneel realiza todo ano, desde 2000, para avaliar o grau de satisfação dos consumidores residenciais com os serviços prestados pelas distribuidoras de energia elétrica;
  • demandas de órgãos de controle, como Tribunal de Contas da União (TCU), Advocacia Geral da União (AGU), juízes e promotores representando grupo de consumidores.

O desempenho da distribuidora é observado:

  • por meio dos indicadores técnicos, que retratam a qualidade do fornecimento de energia;
  • indicadores comerciais, que retratam a qualidade do atendimento às demandas dos consumidores da distribuidora.

Uma das ferramentas de monitoramento é o Painel de Desempenho da Distribuição.

Tempestade de poeira atingiu Presidente Prudente (SP) no dia 1º de outubro deste ano — Foto: Cedida

A análise tem como principais objetivos a elaboração e a divulgação de relatórios que serão apresentados aos agentes de distribuição de energia, para que adotem as providências necessárias para a correção das falhas apontadas, segundo a Aneel.

Os agentes deverão apresentar planos de regularização dos problemas apontados com prazos bem definidos, levando em consideração a importância, a gravidade, o risco e a prioridade dos temas sob análise.

As providências adotadas para a correção dos problemas serão acompanhadas e os resultados serão consolidados em relatórios de acompanhamento, permitindo que a sociedade conheça as ações de fiscalização e seus resultados.

Aneel registrou mais de 300 reclamações de falta de energia elétrica após tempestade de poeira que atingiu a região de Presidente Prudente (SP) no início deste mês — Foto: João Ricardo de Tilio

Quando as falhas apontadas nas etapas anteriores não forem corrigidas até o término da etapa de acompanhamento, o processo segue para as fases de notificação e, eventualmente, de punição.

As ações fiscalizadoras podem ser, entre outras:

  • Apuração dos indicadores de continuidade coletivos e individuais: verificação do procedimento de coleta de dados e de apuração dos indicadores de continuidade e da realização das compensações financeiras devidas aos consumidores.
  • Comercial: verificação do atendimento ao consumidor nos prazos e condições estabelecidas em relação à ligação e suspensão do fornecimento de energia elétrica, contratos de fornecimento, leitura e faturamento, irregularidades na medição, ressarcimento por danos elétricos e atendimento ao público.
  • Indicadores de atendimento telefônico: verificação da qualidade do serviço de teleatendimento disponibilizado aos consumidores.
  • Subvenção Baixa Renda: verificação da correta aplicação dos recursos da subvenção econômica à subclasse residencial baixa renda homologada mensalmente pela Aneel às distribuidoras.
  • Universalização e Luz para Todos: verificação do cumprimento das metas acumuladas de quantidades de ligações a serem executadas anualmente nos programas de universalização e Luz para Todos.
  • Técnica: verificação da manutenção das redes de distribuição e subestações, qualidade do atendimento emergencial, projetos e obras de reforço e expansão, operação do sistema e desempenho dos equipamentos de distribuição.
  • Termo de Compromisso de Ajuste de Conduta: algumas distribuidoras firmam Termos de Compromisso de Ajuste de Conduta (TACs) com a Aneel, estabelecendo que, em substituição da multa aplicada, fariam investimentos no valor da multa com o objetivo de regularizar a situação constatada pela fiscalização.

Tempestade de poeira provocou estragos em Presidente Prudente (SP) no dia 1º de outubro — Foto: Heloise Hamada/TV Fronteira

A Aneel disponibiliza os seguintes meios para que a população realize reclamações a respeito do fornecimento de energia elétrica:

  • Telefone 167 (Aneel) ou, no Estado de São Paulo, através da Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de São Paulo (Arsesp) (convênio – 0800-787-0167);
  • Site da Aneel; ou
  • Aplicativo Aneel Consumidor.

O g1 solicitou um posicionamento da Energisa Sul-Sudeste sobre as ocorrências informadas pela Aneel decorrentes da tempestade de poeira que atingiu o Oeste Paulista. Em resposta à reportagem, a concessionária enviou a seguinte nota:

“Os dados informados foram contabilizados pela própria Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

É importante esclarecer que o temporal registrado na região, com ventos de mais de 100 km/h, provocou mais de 3,5 mil ocorrências no sistema elétrico da distribuidora e afetou o fornecimento de energia para mais de 50 mil clientes. O número de ocorrências registrado foi 20 vezes maior que em comparação com outubro do ano passado, início do último período de chuvas na região.

A empresa acionou seu plano de contingência e equipes de Presidente Prudente e região receberam reforço de profissionais de outras regiões do Estado de São Paulo, do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná e Tocantins, que atuaram de forma ininterrupta na substituição de postes, equipamentos, cabos e outros componentes do sistema elétrico que foram danificados pela força do vento que lançou árvores, galhos, telhas, calhas e outros objetos sobre a rede”.

O g1 também solicitou um posicionamento da Neoenergia Elektro sobre as ocorrências informadas pela Aneel decorrentes da tempestade de poeira que atingiu o Oeste Paulista, mas até o momento dessa publicação não obteve resposta.




Fonte: G1

Passageiras de dois ônibus são presas com pistola, munições e porções de maconha durante fiscalização na Rodovia Raposo Tavares


A Polícia Militar Rodoviária prendeu em flagrante duas mulheres, ambas de 21 anos, durante abordagens a dois ônibus de linhas interestaduais de transporte de passageiros, na Rodovia Raposo Tavares (SP-270), em Presidente Venceslau (SP), neste sábado (16).

Com elas, foram apreendidos uma arma de fogo, munições, porções de maconha e carregadores, entre outros objetos.

O primeiro ônibus fiscalizado fazia o itinerário Ponta Porã (MS)–São Paulo (SP) e os policiais constataram que uma passageira transportava junto ao corpo, na região da cintura e embaixo do corpete, uma pistola de calibre 9mm de origem turca e dois carregadores.

No segundo ônibus, que seguia de Cuiabá (MT) a São Paulo, a fiscalização encontrou na mala de uma passageira 19 tabletes de maconha, que pesaram 16,970 quilos, além de 56 munições íntegras de calibre 9mm, um coldre para pistola, um municiador e um kit para limpeza de armamento.

As duas passageiras receberam voz de prisão em flagrante e foram encaminhadas para a Delegacia da Polícia Federal, em Presidente Prudente (SP), onde permaneceram à disposição da Justiça.

Duas mulheres foram presas em Presidente Venceslau (SP) neste sábado (16) — Foto: Polícia Militar Rodoviária




Fonte: G1

Operação conjunta das polícias Civil e Militar apreende drogas e arma em Presidente Bernardes


Os policiais cumpriram quatro mandados expedidos pela Justiça. Foram apreendidos aparelhos celulares, várias porções de maconha e uma arma de fogo de calibre 36.

Um homem de 67 anos foi preso e ficou à disposição da Justiça.

Participaram da operação nove policiais civis, 11 militares e dois cães do Canil do 8º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep).

Operação conjunta das Polícias Civil e Militar apreendeu drogas e arma em Presidente Bernardes — Foto: Polícia Militar




Fonte: G1

Movimento social ocupa fazendas em três cidades do Pontal do Paranapanema


Integrantes da Frente Nacional de Luta Campo e Cidade (FNL) ocuparam neste sábado (16) três fazendas no Pontal do Paranapanema, na região de Presidente Prudente (SP), no extremo oeste do Estado de São Paulo.

De acordo com as informações fornecidas pelo movimento social, cerca de 300 famílias participaram das ações e montaram acampamentos com barracos nas fazendas Santa Rita, em Mirante do Paranapanema (SP), Santa Mônica, em Rosana (SP), e São Domingos, em Sandovalina (SP).

A FNL reivindica a destinação das áreas para a reforma agrária e a criação de assentamentos de trabalhadores rurais sem-terra.

A TV Fronteira solicitou posicionamentos à Fundação Instituto de Terras do Estado de São Paulo (Itesp) e ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) sobre o assunto, mas até o momento desta publicação não houve resposta.

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL

FNL realizou três ocupações no Pontal do Paranapanema neste sábado (16) — Foto: FNL




Fonte: G1

Motociclista é flagrado com drogas e quase R$ 2 mil no bolso, confessa tráfico e acaba preso em Presidente Prudente


A Polícia Militar prendeu um homem em flagrante por tráfico de drogas, nesta sexta-feira (15), no Parque Alvorada, em Presidente Prudente (SP).

Com ele, os policiais apreenderam uma pedra bruta de crack, porções de maconha e R$ 1.993,00 em dinheiro.

Os militares faziam patrulhamento pela Rua Abílio Nascimento, quando decidiram abordar o condutor de uma motocicleta que passava pelo local.

Durante a vistoria, os policiais encontraram no bolso da bermuda que o motociclista vestia as drogas e o dinheiro.

Segundo a PM, o homem foi questionado sobre as drogas e o dinheiro e confessou que comercializava os entorpecentes.

Ele recebeu voz de prisão em flagrante e foi levado à Delegacia Participativa da Polícia Civil, onde permaneceu à disposição da Justiça.




Fonte: G1

Forte chuva causa alagamento e quedas de árvores na região de Presidente Prudente


A forte chuva que atingiu a região de Presidente Prudente (SP) na tarde desta sexta-feira (15) causou quedas de árvores e alagamento. Segundo o Corpo de Bombeiros, não houve vítimas.

Em Presidente Venceslau (SP) uma árvore caiu em cima de uma caminhonete em frente da escola Álvaro Coelho.

Também foram registradas quedas de árvores no distrito de Primavera, em Rosana (SP), e em Teodoro Sampaio.

Em Presidente Prudente, houve registro de alagamento na Rua Hygino Langhi, no Residencial São Marcos.

Segundo dados da Estação Meteorológica do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) em Presidente Prudente, entre as 15h e 17h foram registrados 20 milímetros de chuva. A velocidade do vento chegou a 64km/h, segundo o Inmet.

Alagamento foi registrado na Rua Hygino Langhi, no Residencial São Marcos, em Presidente Prudente — Foto: Marcos Trentin

Para os próximos dias, segundo a Defesa Civil, principalmente a partir desta sexta-feira (15), a chegada de uma nova frente fria criará condições para pancadas de chuva forte generalizada, seguidas por raios, rajadas de vento forte e até mesmo queda de granizo em pontos isolados.

Os atuais modelos meteorológicos indicam condição para momentos de tempestade severa e acumulados expressivos.

A recomendação da Defesa Civil é para que os municípios mantenham atenção redobrada às áreas mais vulneráveis, pois há risco de deslizamentos, desabamentos e ocorrências relacionadas com raios, vento e granizo até, pelo menos, terça-feira (19), dia em que as condições mudam e o tempo volta a ficar estável em praticamente toda a região de Presidente Prudente.

Com relação às temperaturas, como os dias tendem a ficar com uma maior nebulosidade, a sensação térmica não sobe tanto e ficará mais amena se comparada com os últimos dias, sendo que em alguns momentos, chega até ser de um leve frio, principalmente nos períodos noturno/madrugada, segundo a Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil.

Em Presidente Prudente, o telefone de plantão da Defesa Civil é (18) 99744-0199.

Árvore caiu em Teodoro Sampaio durante a forte chuva — Foto: Cláudio Lopes

Árvore caiu no distrito de Primavera, em Rosana (SP) — Foto: Fernando Lisboa

Alagamento foi registrado na Rua Hygino Langhi, no Residencial São Marcos, em Presidente Prudente — Foto: Marcos Trentin




Fonte: G1

Operação Lei e Ordem prende suspeitos de tortura e associação criminosa em Regente Feijó


A Polícia Civil, em Regente Feijó (SP), realizou nesta sexta-feira (15) uma operação denominada “Lei e Ordem” para o cumprimento de cinco mandados judiciais, sendo dois de prisões temporárias, um de internação de adolescente infrator e dois de busca e apreensão domiciliar.

A ação é resultado de uma investigação da prática dos crimes de tortura e associação criminosa no município.

A investigação teve início com a divulgação de um vídeo onde uma pessoa sofre violência física e psicológica no interior de uma residência, sentada em uma cadeira.

Nas imagens, a vítima é violentamente atingida com chutes e golpes pelo corpo em evidente ação de tortura, segundo a polícia.

Durante a apuração do caso, a Polícia Civil identificou os suspeitos dos crimes e solicitou à Justiça a decretação das prisões temporárias dos envolvidos e de apreensão de um adolescente infrator.

Segundo a investigação, os envolvidos no crime acusavam a vítima de ser o autor de um furto ocorrido na residência de um dos suspeitos da tortura, ou seja, uma forma de retaliação.

Na operação foram localizadas as vestes de um dos suspeitos e instrumentos utilizados para prática dos delitos.

Ainda conforme a Polícia Civil, parte da associação criminosa é conhecida nos meios policiais e tem antecedentes criminais relacionados ao tráfico de entorpecente e outros crimes.




Fonte: G1

Centro de Controle de Zoonoses realiza plantão para atendimentos de cães e gatos neste sábado


O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) realiza neste sábado (16) um plantão de atendimentos para cães e gatos, em Presidente Prudente (SP). A ação ocorrerá das 8h às 15h30 na sede do próprio órgão.

Serão disponibilizados coleta de sangue para exame de leishmaniose visceral, chipagem e vacinação contra raiva.

Conforme a Prefeitura, os serviços serão ofertados de forma gratuita e por ordem de chegada, não sendo necessário fazer agendamento prévio.

Na ocasião, também haverá animais para adoção, sendo todos já vermifugados, vacinados, e com a castração garantida pelo CCZ quando o animal alcançar a idade adequada.

A adoção só poderá ser feita por pessoas maiores de idade e com a apresentação do documento pessoal. Caso haja cidadãos que possuam abaixo de 18 anos e tiverem interesse em adotar, devem se dirigir ao local acompanhados pelos responsáveis.

O Centro de Controle de Zoonoses fica localizado na Rua Presidente Castelo Branco, nº 93, Parque Castelo Branco. O telefone para mais informações é o (18) 3905-4220 / (18) 3905-2156.




Fonte: G1